Vila Flor Sport Clube - Seniores Futebol

A época 2012/13 foi inesquecível. Campeões da Divisão de Honra e com subida à II Divisão nacional assegurada! Importa não voltar imediatamente e continuar a crescer. (vfsc@portugalmail.pt)

domingo, 9 de dezembro de 2018

DIVISÃO DE HONRA AFB REPSOL GÁS - 8ª JORNADA (09/12/2018)

...................................................


VILA FLOR SC 0-0 GD SENDIM

............................................







Divisão de Honra AFB
Campeonato Distrital Repsol Gás
7ª Jornada
02/12/2018, pelas 15h00
Estádio Municipal de Carrazeda de Ansiães
Ao intervalo: 0-0

Vila Flor SC: Tiago Santos; Telmo, Miguel, Gaby, Brown (João Quintã 75'); João Paulo Vaz, Ari (Gabriel Camargos 68'), Zé Luís; Guedes (Cadete 60'), André Teixeira e Kojo
Não utilizados: Ricardo Reis, Santiago e Damasceno
Treinador: Nuno Lima
Treinador adjunto: Daniel Branquinho


Fomos uma equipa pobre, num jogo ainda mais pobre e com um resultado verdadeiramente desapontante para quem queria muito inverter os últimos maus resultados e dar uma sapatada na crise. Não o conseguimos e, pelo comtrário, só a agudizamos. Especialmente porque além do resultado, também fomos pouco mais do que zero na exibição. Isto apesar de termos sido a única equipa que teve ocasiões de golo (e foram três flagrantes). Mas contra o último classificado, que tinha apenas dois suplentes e era, individualemente inferior, devíamos ter feito muito mais. Coletivamente o Sendim foi superior e, dessa forma, consgeuiu o ponto que procurou e também mereceu.

A primeira parte começou com um lance claro de golo do Telmo, que numa brilhante jogada individual se isolou e permitiu a defesa, não menos brilhante, do Miguel Vieira, guarda-redes do Sendim. Foi sol de pouca dura. O resto do primeiro tempo foi de uma lentidão, previsibilidade e falta de atitude que justificam plenamente o 0-0 ao intervalo. A baixa do Zé Luís (saiu lesionado bem cedo) também não ajudou nada. No meio é ele um dos que melhor define as jogadas.

O nosso treinador Nuno Lima mexeu de imediato na equipa, passou a jogar com três centrais, dois laterais (Telmo e André) bem ofensivos e dois pontas de lança, com Hermesson colado ao Gabiel Camargos. Intensificamos a pressão na defesa do Sendim, tivemos bola praticamente até ao fim, mas fomos pouco esclarecidos a chegar à baliza, mal a definir as jogadas, especialmente o último passe. Entraram dois: num após cruzamento do André para o Gabriel desperdiçar de cabeça, isolado; noutro após uma bola que deixa o Damasceno no 1x1 com o guarda-redes do Sendim, que faz a defesa da tarde, um pouco acima do nível a outra que já tinha feito num pontapé de meia distância do Ari.

Como quem não marca, sofre, íamos cedendo num livre direto que o Faneca (nosso ex-jogador) cobrou com mestria. O Tiago, que pouco tinha tocado na bola, foi o salvador...

Esta equipa tem e vai dar muito mais do que isto. Obrigado a quem nos apoiou e desculpem o fracasso.

Um clube, um concelho
#VilaFlorSomosTodos


Um clube, um concelho
#VilaFlorSomosTodos

O árbitro: Bruno Rocha


DESTAQUES

sábado, 8 de dezembro de 2018

#SUPERFLASH 11 - 2018/19 - ARI XAVIER

...................................................





O Ari Xavier é uma das caras novas desta equipa e representa, também ele, a juventude que por cá mora. No primeiro ano como sénior, o Ari já se sente em casa. E sabe que o Vila Flor SC não está habituado a estar tanto tempo sem ganhar, pelo que aponta aos três pontos no jogo de domingo, com o Sendim, e a uma boa resposta da equipa na sequência de um jogo em Carrazeda que custa a engolir porque também perdemos pelos factores que não conseguimos controlar.

O Ari na SuperFlash da semana avisa também para o perigo de se acreditar em facilidades. O adversário não está bem, mas o jogo com o Vinhais ainda nos está na memória.

Um clube, um concelho
#VilaFlorSomosTodos




HERMESSON NO ATAQUE

…………………………………………..























Chega para dar mais força ao nosso ataque, reforçar a competitividade interna e ajudar a devolver-nos aos bons resultados.

O Hermesson tem 23 anos, estava sem clube, chegou à experiência e foi inscrito esta semana, estando já à disposição para o jogo de amanhã, com o Sendim.

Bem vindo e felicidades com a #flordelisaopeito

Um clube, um concelho
#VilaFlorSomosTodos

domingo, 2 de dezembro de 2018

DIVISÃO DE HONRA AFB REPSOL GÁS - 7ª JORNADA (02/12/2018)

................................................................

FC CARRAZEDA 1-0 VILA FLOR SC

………………………………………………


















Divisão de Honra AFB
Campeonato Distrital Repsol Gás
7ª Jornada
02/12/2018, pelas 15h00
Estádio Municipal de Carrazeda de Ansiães
Ao intervalo: 0-0

Vila Flor SC: Tiago Santos; Telmo, Miguel, Gaby, Brown (João Quintã 75'); João Paulo Vaz, Ari (Gabriel Camargos 68'), Zé Luís; Guedes (Cadete 60'), André Teixeira e Kojo
Não utilizados: Ricardo Reis, Santiago e Damasceno
Treinador: Nuno Lima
Treinador adjunto: Daniel Branquinho


Sem escondermos a pior série de resultados desde 2013, pois vamos em cinco jogos sem vencer e queremos, rapidamente, dar uma sapatada no momento, acabamos por sair de Carrazeda com a certeza de que, desta feita, só não ganhamos porque não fizemos um golo nas dezenas de oportunidades de que dispusemos.

Atiramos duas bolas ao ferro, permitimos três grandes intervenções do guarda-redes adversário e até isolados conseguimos atirar ao lado. De bola corrida ou bola parada, de forma coletiva ou individual, dispusemos de lances suficientes para ganhar com facilidade. Mas quem marca zero golos arrisca-se a nem empatar. E foi o caso.

A primeira parte foi nossa e mesmo a terminar o Kojo, só com o guarda-redes, atirou por cima. Na nossa baliza, o estreante Tiago Santos fazia pela vida, mas era muito menos chamado à ação. Na segunda parte o infortúnio aumentou e como quem não marca sofre, o rival aproveitou uma bola parada para sair a ganhar e depois defender.

De resto, parabéns ao adversário pela eficácia e por nos ter ultrapassado na classificação em que agora somos oitavos, alguns lugares abaixo da primeira metade da tabela, que é o primeiro objetivo desde o início da época.

Num jogo em que nos sentimos prejudicados por algumas decisões que nos parecem incorretas por parte da equipa de arbitragem, lamentamos ainda as tentativas de agressão /agressão de que foram alvo o nosso treinador e um jogador. Ficam em claro porque não havia autoridade para identificar os infratores, num jogo de policiamento obrigatório determinado pela Comissão de Qualificação de Jogos da AFB, a 08/10/2018. O FC Carrazeda optou por não cumprir com a determinação, ainda que obrigado a isso pela AFB. O juiz Carlos Sá Carneiro foi alertado ao início e permitiu, pelo que a mais ninguém pode ser imputada a responsabilidade das tristes cenas da reta final da partida.



Um clube, um concelho
#VilaFlorSomosTodos

O árbitro: Carlos Sá Carneiro


DESTAQUES

sábado, 1 de dezembro de 2018

#SUPER FLASH 10 - 2018/19 - ANDRÉ TEIXEIRA

.............................................................

"O bom filho à casa torna". A frase é do André Teixeira, que recorda que apesar de ter passado e aprendido em vários clubes, foi no Vila Flor SC que começou a jogar, já há mais de 10 anos.
O André esteve lesionado e viu de fora a última derrota da nossa equipa.

Sem papas na língua, garante que este domingo, em Carrazeda, vai ser diferente. O nosso extremo ex-Vilariça na Super Flash desta semana.

Um clube, um concelho
#VilaFlorSomosTodos